Aço inoxidável: o que é e onde é utilizado

Aço inoxidável: o que é e onde é utilizado

O aço inoxidável é uma das ligas derivadas da combinação de dois ou mais elementos químicos de ferro-cromo e possui grande resistência à corrosão, ao impacto e à abrasão. Bastante durável, essa liga é totalmente reciclável e tem baixo custo de manutenção.

Bastante utilizado tanto em itens domésticos quanto na construção civil e indústria automotiva, o aço inoxidável é uma liga que vale a pena conhecer e entender melhor. Ele dá vida a cozinhas industriais, eletrodomésticos, talheres, panelas, ônibus e mobiliários urbanos.

Veja, a seguir, como é feito e para que serve o aço inoxidável:

 

Aço inoxidável: principais características e processo de fabricação

O aço inoxidável é muito resistente à corrosão. Isso porque ele é composto por cromo que, ao reagir com o oxigênio da atmosfera, forma uma cama superficial que protege o aço de agentes oxidantes.

Essa película protetora bem fina devido ao óxido de cromo pode, inclusive, ser arranhada ou desfeita e se recompõe de maneira rápida. Por isso, essa liga é bastante utilizada em diversas aplicações.

O aço inoxidável é uma liga composta por pelo menos 10,5% de cromo (no máximo 30% de níquel), além de elementos como molibdênio, titânio e nióbio, dependendo da necessidade da aplicação.

Isso porque o níquel melhora a resistência da liga às altas temperaturas, bem como sua ductilidade e soldabilidade. Sendo assim, as ligas com esse composto, além do cromo, têm mais resistência geral.

 

Tipos de aço inoxidável e classificação

Quando recebe elementos em sua composição, o aço inoxidável adquire outras características. Ao acrescentar molibdênio e cobre, por exemplo, ele fica mais resistente.

Silício ou alumínio elevam sua resistência à oxidação em altas temperaturas e titânio ou nióbio impedem a precipitação do cromo em forma de carboneto durante o aquecimento ou resfriamento em torno de 700° C.

Outros elementos também podem ser adicionados à liga. Alguns exemplos são nitrogênio, cobalto, boro ou manganês.

A classificação das ligas de aço está dividida em:

Ferríticos: têm de 11 a 17% de cromo (Núcleo Inox) e menos que 0,3% de carbono. Essa liga não possui níquel e é mais econômica, sendo bastante resistente à corrosão sob tensão.

Martensíticos: possuem de 12% a 18% de cromo e entre 1% a 1,5% de carbono. Podem, ainda, receber tratamento de têmpera adquirindo níveis elevados de dureza e resistência mecânica. Essas ligas têm baixa resistência à corrosão, são magnéticas e pouco soldáveis.

Austeníticos: têm de 17% a 25% de cromo, e de 7% a 20% de níquel. Possuem alta ductilidade e soldabilidade e são o tipo mais utilizado, visto que oferecem maior resistência à corrosão, principalmente se adicionados elementos como o molibdênio ou reduzido seu teor de carbono.

 

Aplicado a diversas finalidades e bastante útil desde a indústria aeroespacial até alimentícia, química, de papel e celulose e tantas outras, o aço inox é uma liga indispensável em nosso dia a dia.

 

Fale com a USI Bronze e veja como obter o melhor aço inox para as suas necessidades. Nossos especialistas podem te ajuda na escolha!

Add Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *


(11) 3589-5016 - (11) 3589-5014
(11) 2257-2529 - (11) 2091-6279
contato@usibronze.com.br
Rua Duarte de Carvalho, 257
Tatuapé - São Paulo – SP
CEP: 03084-030

Open chat